Dicas de Pompoar

 

 

A palavra pompoar ou pompoir é algo como pulsar,  com esse movimento, durante o ato sexual o homem sente apertar, soltar, torcer o seu órgão sexual, em um jogo amoroso rico e fantástico. Tanto a mulher quanto o homem sentem um aumento muito grande da libido e chegam ao orgasmo com muito mais facilidade além de melhorar a qualidade de seu relacionamento, quando a mulher tem a musculatura vaginal fortificada.

 

  Na verdade a palavra pompoar  quer dizer muito mais, fala sobre o controle que a mulher pode exercer sobre os seus músculos puboccigeos treinados para obedecer ao seu comando.

 

  Prazer para ambos e saúde para a mulher que tonifica a parede vaginal, melhorando seu desempenho sexual enquanto protege sua vagina contra o afrouxamento da região pélvica, causada por partos, excesso de ocorrências inflamatórias (vaginites etc.) ou pela própria idade.

(a mulher começa a modificar sua estrutura vaginal a partir dos vinte e cinco anos).

 

  Quanto mais cedo se começar a prática dos exercícios, maior o benefício.

  A mulher de qualquer idade, se beneficia com os exercícios.

Conhecemos uma senhora de mais de setenta anos, sofrendo de incontinência urinária, que após um tempo, praticando uma série suave de exercícios, deixou as fraldas geriátricas, para sua grande alegria.

 

  Se isso é possível, é fácil para a mulher de qualquer idade, seguindo a série de exercícios da apostila, uma melhora fantástica no seu desempenho sexual e sua saúde genital.

O que podes fazer com a vagina

 

 

 

Os movimentos básicos que a pompoarista pode realizar durante o acto sexual são:

 

Revirginar - contrair com força o esfíncter vaginal (músculo de entrada da vagina), impedindo ou dificultando a penetração do pénis. Isso possibilita simular virgindade.

 

Ordenhar- contrair individualmente os anéis circunvaginais de forma sequencial, pressionando o pénis. A contracção começa na entrada da vagina em direcção ao útero, com força média.

 

Chupitar - simular com a vagina a movimentação que os bebés fazem com a boca quando estão a mamar ou a usar a chupeta. No romance "A Descoberta da América pelos Turcos", de Jorge Amado, existem personagens que chupitam com a vagina.

 

Sugar - chupar o pénis com a vagina.

 

Massagar o pénis - é outra habilidade possível, nas intensidades, fraca, média ou forte.

 

Morder - prática utilizada frequentemente para retardar o orgasmo do homem. Consiste em contrair fortemente o anel circunvaginal na base do pénis.

 

Guilhotina - é uma "mordidela" com muita força.

 

Algemar ou agarrar - contrair com força a musculatura vaginal, impedindo a saída do pénis.

 

Expulsar - expelir o pénis ou vibrador da vagina.

Masturbação invisível

 

 

O pompoar possibilita, através da contração dos músculos vaginais, a masturbação feminina, até atingir o orgasmo, sem que a mulher tire a roupa ou toque o dedo na vagina.

 

Continuar

 

Voltar